Conteudo
 

Em 2015 a Dana já conquistou três premiações e os resultados alcançados pelos clientes da ek marketing seguem crescendo. O primeiro resultado veio em julho, quando a Dana foi Top Te n no Benchmarking Brasil. O ranking que reúne a cada ano cerca  de 30 cases, tem sua metodologia reconhecida pela ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas). A Dana foi ainda vencedora regional e nacional no Prêmio Proteção e TOP Cidadania da ABRH-RS.  O Benchmarking Brasil é um programa de sustentabilidade que há 13 anos reconhece, certifica e compartilha as melhores práticas socioambientais do País. É uma iniciativa independente  com participação voluntária das organizações que submetem seus cases de sustentabilidade  para avaliação de uma comissão técnica multidisciplinar composta por especialistas de vários países. O score de cada case é definido pelos critérios da metodologia (reconhecida pela ABNT) do Programa. Benchmarking Brasil, até o momento, contou com a participação de 176 especialistas de 21 diferentes países em sua comissão técnica, e certificou 339 boas práticas socioambientais pertencentes a 180 organizações. A Dana Gravataí (RS) obteve a 10ª posição no ranking com o case "Inovação e colaboração para a reciclagem de borracha a experiência da Dana", desenvolvido pela equipe da ek marketing. A iniciativa relata a experiência da empresa ao longo de 10 anos na busca de alternativas mais eficazes e com menor impacto ambiental para a reciclagem dos resíduos de borracha vulcanizada  empregada no processo de produção de peças automotivas.A solução foi encontrada na prática dos 3Rs: reduzir, reutilizar e reciclar. Foram feitos inúmeros projetos que resultaram não só no  reúso, como por meio de uma parceria com a empresa Batistella, que permitiu a reciclagem do  material, utilizado para produzir tapetes de carros entre outros produtos. A DANA conquistou também o TOP Cidadania da ABRH -RS.O projeto envolve a formação e a contratação de pessoas com deficiência intelectual. Realizado em parceria com o Senai e a Apae de Gravataí (RS), a iniciativa se tornou um benchmark para empresas da região e para a própria matriz da Dana, nos Estados Unidos. Histórias incríveis de pessoas que conquistaram a autoestima, a confiança da família e a independência pessoal e profissional fazem desse, um dos cases mais ricos no portfólio da ek marketing, uma agência especializada em transformar experiências de geração de valor social  e ambiental em cases vencedores. A ek marketing é especialista em planejamento de gestão de reconhecimento, oferecendo aos seus clientes, além do desenvolvimento dos cases, estratégias de longo prazo para o fortalecimento da imagem da organização por meio de reconhcecimento das boas práticas por insituições de grande credibilidade. Algumas razões para investir em premiações: Os prêmios atuam na esfera do branding, reforçando atributos de liderança da marca; Reputação - as instituições promotoras emprestam sua credibilidade ao chancelar iniciativas das empresas; As premiações ajudam a engajar e mobilizar o público interno, tangibilizando o esforço do grupo; E servem de registro para a memória empresarial. Veja a lista de clientes e suas premiações   

Conteudo
 

A Dana, uma das principais empresas do setor automotivo brasileiro, está entre as Top 10, das 28 iniciativas ranqueadas na 13ª edição do Prêmio Benchmarking Brasil 2015, com o case sobre a Reciclagem de Borracha. O projeto foi desenvolvido na unidade da DANA Gravataí, no Rio Grande do Sul e o case desenvolvido pela ek marketing.   “O nosso case de reciclagem de borracha estar entre os Top 10 do Benchmarking Brasil é motivo de orgulho. Ver o nome da Dana ser tão bem representado entre outras grandes organizações do nosso País é uma manifestação da força dos nossos valores corporativos e prova da dedicação dos nossos times. Mesmo sem que existisse uma cadeia de suprimento desenvolvida como a de pneus para reciclar a borracha os profissionais da Dana buscaram por anos uma solução que nos permitisse chegar mais perto dos nossos objetivos. Isto nos inspira e fortalece em nosso caminho”, enfatiza e comemora Raul Germany, country manager da Dana para o Brasil.   Um dos destaques da certificação, promovida pelo Instituto Mais Projetos é o BechDay, um dia para as empresas ranqueadas compartilharem suas boas práticas em diferentes áreas, o que revela uma fotografia sobre os cenário brasileiro e os temas que estão na agenda de sustentabilidade das organizações. Um dos temas que ganhou maior visibilidade nessa edição foi a destinação de resíduos sólidos e a compostagem.   A diferença de pontuação entre os dez primeiros foi mínima, apenas 0,63 pontos, o que demonstra o equilíbrio da disputa. Todas as empresas ranqueadas são consideradas vencedoras, pois disputaram entre 58 concorrentes. O primeiro da lista foi Itaipu Binacional (PR).   Desde 2011, a ek marketing tem clientes figurando entre os TOP 10 do Benchmarking Brasil.  Em 2011 foi Cabanellos Shuh, 2013, Grupo Baram e, 2014, CPFL/RGE.   Confira abaixo os 10 primeiros colocados da Prêmio Benchmarking Brasil 2015:   1º - Itaipu Binacional (PR) - "Mais Peixes em Nossas Águas" 2º - Cargill Agrícola (SP) - "Pomarola Mais Sustentável" 3º - Triunfo-Transbrasiliana (SP) - "Multiplicadores em Educação Ambiental" 4º - Abbott (RJ) - "Compostagem de Resíduos" 5º - Fundação Alphaville (SP) - "Programa Jovem Sustentável" 6º - Ambev (SP) - "Ação Coletiva para Preservar Água" 7º - SABESP (SP) - "Gestão da Escassez de Água" 8º - ArcelorMittal Tubarão (ES) - "Plano Diretor de Águas" 9º - Petrobras (RJ) - "Gestão Energética Predial" 10º - Dana (RS) - "A Reciclagem de Borracha na Dana"

Conteudo
 

Os prêmios são uma importante ferramenta para a construção de uma marca forte e com a reputação de estar alinhada às boas práticas. Cada vez mais focadas na realidade do mercado, as certificações reconhecem empresas, instituições sem fins lucrativos e pesssoas que contribuem com inovações que favoreçam mudanças de paradigmas. Pensando nissso, a ek marketing preparou um calendário com os principais prêmios com inscrições abertas neste segundo trimestre. Entre eles, o Top Ser Humano e o Top Cidadania ABRH-RS 2015, que valoriza as organizações que têm a gestão de pessoas e retêm seus talentos como diferencial estratégico, bem como desenvolvem ações sociais. Para concorrer, a organização deve inscrever seu case o próximo dia 30 de abril. Outro destaque é o Prêmio Innovare, com inscrições até 14 de maio. A certificação estimula as inovações no sistema judiciário. Neste ano, ampliou a participação popular com a inclusão da categoria Justiça e Cidadania, com tema livre.  Interessadas em participar das certiticações podem contar com o apoio da ek marketing, que tem ajudado as organizações a conquistarem o reconhecimento em diferentes distinções. Estão em seu potfólio empresas como Unique, Cabanellos Schuh Advogados Associados, CPFL Energia, AES Sul, Hospital Santa Casa de Misericórdia, Banco de Olhos, entre outros. Com expertise em gestão de reconhecimento, a ek marketing acompanha todo o processo desde a inscrição, identificando o case de sucesso, planejando a apresentação de forma a fazer com que a comissão julgadora reconheça a importância do trabalho desenvolvido para o mercado e para a sociedade. Principais prêmios com Inscrições abertas: Top Ser Humano e Top Cidadania ABRH-RS; Prêmio Innovare; Prêmio Aberje; Prêmio Os Vencedores do Agronegócio; Prêmio Learning & Performance 2015/2016; Prêmio Proteção Brasil 2015; 5.º Prêmio Fecomercio de Sustentabilidade; Prêmio von Martius de Sustentabilidade; Top de Marketing ADVB-SP.

Conteudo
 

A gestão do reconhecimento está cada vez mais atenta aos movimentos e necessidades da sociedade. O Prêmio Marketing Best Sustentabilidade é um exemplo de que os prêmios têm como proposta valorizar ações que venham a contribuir para uma nova cultura diante de questões vitais. Assim, neste ano, adicionou duas categorias especiais voltadas a iniciativas que visem a reduzir a crise da Água e da Energia. Para concorrer, empresas e instituições têm até 19 de junho para inscrever seu case de sucesso. O Marketing Best Sustentabilidade idealizado pela Editoria Referência e MadiaMundoMarketing, com apoio da Academia Brasileira de Marketing (Abramark) e J.Cocco Comunicação e Marketing, tem como proposta referendar iniciativas que são lições a serem aprendidas por todos. Como o próprio nome do prêmio sugere, podem participar ações de marketing voltadas à sustentabilidade, de cunho social, ambiental e cultural, nas áreas de: Meio Ambiente (Coleta Seletiva e Reciclagem, Defesa do Ecossistema, Combate ao Efeito Estufa); Economia Verde (Práticas de Reflorestamento, Controle de Emissão de CO2, Produtos e Serviços Verdes); Incentivo à Cultura (Oficinas de Arte Comunitárias, Ações de Estímulo à Leitura e Cinema para as Comunidades Distantes). Além disso, também será escolhido o “Cidadão Sustentabilidade”, uma homenagem ao profissional que mais tem contribuído para a disseminação do conceito de sustentabilidade no País. No ano passado, o vencedor foi Dr. Claudio Lottenberg, presidente do Hospital Israelita Albert Einstein. As organizações – Empresas, Fundações, Institutos e Associações – que desejarem participar, independente da indicação dos Marketing Experts, poderão se inscrever, desde que sejam legalmente constituídas no Brasil e estejam de acordo com as cláusulas do regulamento. Datas importantes Lançamento do Prêmio – 1.ª quinzena de fevereiro Inicio das inscrições – 2.ª quinzena de fevereiro Término das inscrições – 19 de junho Entrega das Marketing Performances de Sustentabilidade – julho Julgamento – julho Divulgação dos resultados –  julho Reunião com os vencedores – julho Solenidade de entrega dos prêmios – agosto * Vencedores pagam taxa de administração

Conteudo
 

A conquista de certificações de instituições respeitadas promove o orgulho dos colaboradores e parceiros, ainda mais quando se fala no Top Ser Humano e Top Cidadania ABRH-RS. Os dois prêmio têm no escopo a gestão dos recursos humanos e o bem-estar da comunidade. Para participar da premiação, as organizações têm até 23 de abril para inscreverem suas iniciativas de sucesso na valorização de pessoas e responsabilidade social. O trabalho pode ser desenvolvido com a consultoria da ek Marketing, especializada em gestão de reconhecimento. A empresa, desde 2011, tem ajudado empresas e instituições a apresentarem seus projetos bem-sucedidos de forma clara e precisa, indicando os pontos fortes da ação. A ideia é traduzir o empenho e a excelência da iniciativa, com textos e imagens de acordo com a identidade visual da organização. Na relação dos clientes da ek Marketing premiados com o Top ABRHRS estão: 2014 – Unique ( Top Ser Humano) 2013 – Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre (Top Cidadania) 2013 - Cabanellos Schuh (Top Ser Humano) 2012 – Hospital Banco de Olhos (Top Cidadania) 2011 – Banco de Olhos (Top Cidadania) O comitê avaliador, que só é conhecido após o término das inscrições, analisa cinco itens: Apresentação, Aplicabilidade, Inovação, Conteúdo e Resultados. São considerados vencedores somente os cases que alcançarem a média mínima de 85% da pontuação máxima dos critérios de avaliação. Os vencedores receberão o troféu, certificado e permissão para uso do selo da respectiva edição. No Rio Grande do Sul, somente esses poderão se inscrever no Prêmio Oswaldo Checchia da ABRH Brasil. Fiique atento aos prazos: Período de Inscrições - 23 de fevereiro a 23 de abril Entrega dos cases inscritos - até 17 de junho Período de Avaliação – de 23 de junho a 25 de agosto Definição dos vencedores - 27 de agosto Reunião com vencedores - 2 de setembro Cerimônia de premiação - 7 de outubro Leia também: Unique é Top Ser Humano da ABRHRS 2014 Voluntários do Santa Rita são Top Cidadania ABRH 2013 Cabanellos Schuh é Top Ser Humano ABRH-RS 2013 Projeto Saúde do Olhar é TOP ABRH/RS 2012 Hospital Banco de Olhos - Top Cidadania ABRH-RS 2011

Conteudo
 

Da Redação Andressa Malcher Editora e consultora de conteúdo em sustentabilidade Como é possível identificar uma empresa verdadeiramente sustentável, cujo modelo de negócio irá prosperar no futuro? O questionamento pertence a Bob Willard, especialista em estratégias empresariais focadas em sustentabilidade, que geram valor ao modelo de negócio, também autor do livro “Resources for sustainability champions”. Em videoconferência realizada esse mês, Bob Willard apresentou, às Organizational Stakeholders (OS) da Global Reporting Initiative (GRI), o benchmark que vem desenvolvendo com o objetivo de ajudar empresas do mundo todo a alinhar seu modelo de negócio à sustentabilidade, promovendo ganho de valor para o negócio, para a sociedade, para o meio ambiente e para a economia do planeta. A ek Marketing esteve presente e compartilha agora com você os destaques. "As empresas já sabem que conseguem economizar muito dinheiro com redução de consumo de energia, água, materiais e geração de resíduos. Só não estão fazendo mais porque não estão olhando mais para esses aspectos”, observa. “Os objetivos serão viáveis economicamente? As empresas vão conseguir sustentá-los? Os business cases de sustentabilidade mostram que empresas mais sustentáveis aumentaram seus lucros em 61% a 81%. Investidores querem empresas que se enquadrarão no futuro”, argumenta. O Benchmark Public Draft 1.0 contempla 28 indicadores – sociais e ambientais – que dão suporte a qualquer metodologia utilizada pelas empresas em seus Relatórios de Sustentabilidade, como a GRI, por exemplo. No site futurefitbusiness.org, já está disponível um draft desse benchmark. Hoje, estão sendo analisados feedbacks recebidos sobre esse conteúdo e incorporados a uma versão mais madura, que trará os indicadores chave (KPI – Key Performance Indicators), a ser disponibilizada no próximo mês de junho. A versão 1 do benchmark será publicada até o final do ano. “Quando se fala em benchmark performance, hoje, uma empresa avalia sua performance comparando-a à sua situação em um período anterior, além de compará-la com a de empresas do setor. A partir dessas referências, são definidos os objetivos da organização. Tem funcionado”, observa Bob Willard. O desafio, entretanto, é identificar se o modelo de negócio contribui para o próprio empreendimento, assim como para a sociedade, construindo uma “rede do bem”: fazendo o bem para a sociedade, para o meio ambiente e para o próprio negócio. “Esse benchmark nos força a pensar em tudo”, reforça o especialista. O benchmark A metodologia observa princípios básicos da ciência e coleciona 28 indicadores: 11 ambientais – entre os quais estão consumo de água, energia, materiais e geração de resíduos - e 17 sociais – que abordam como as empresas tratam seus empregados (igualdade de obrigações/responsabilidade e de remuneração); se a empresa gera bem- estar para seus clientes (se proporciona um estilo de vida saudável, por exemplo); se respeita e garante os direitos humanos; não pagamento de impostos; transparência –, esses últimos, na avaliação de Bob Willard, os mais desafiadores para as organizações.  "Nós todos (engajados em desenvolver benchmarks e frameworks) estamos incentivando as empresas a pensar como podem olhar para a sustentabilidade e melhorar seus resultados", resume. Sustentabilidade e reputação A Petrobras, por exemplo, está fora do grupo das empresas com maior capacidade de gerar valor a longo prazo aos acionistas do mundo todo. No mês passado, a companhia foi excluída do Índice Dow Jones de Sustentabilidade – indexado à bolsa de Nova Iorque – após as denúncias de fraude e corrupção envolvendo alguns de seus principais executivos. A estatal perdeu o título de uma das mais sustentáveis do mundo, causando um impacto negativo de grandes proporções à sua reputação. O significativo impacto da reputação nas empresas levou ao desenvolvimento de uma metodologia para mensurar esse indicador nas organizações. O Reputation Institute tem medido e analisado a reputação,considerando o vínculo emocional entre a empresa e seu stakeholder, as percepções racionais do stalkeholder sobre a empresa e a influência exercida pelo contexto social e competitivo no qual as organizações estão inseridas. “Reputação é, hoje, tão importante que passou a ser considerada o patrimônio mais valioso da empresa. Como é algo que não se pode ‘pegar’, é chamada de ‘patrimônio intangível’. Um intangível que, não raro, torna-se o maior bem de uma companhia, podendo representar 70% do seu valor”, observa Jorge Abrahão, diretor-presidente do Instituto Ethos.   Conheça as empresas com maior reputação no Brasil e no mundo: CLIQUE AQUI Conheça a GRI, metodologia número um escolhida por 2/3 das empresas do mundo que relatam a sustentabilidade::CLIQUE AQUI Entenda a relação entre a reputação de uma empresa e seu valor no mercado: CLIQUE AQUI Gestão da Sustentabilidade e reputação são aliadas: CLIQUE AQUI

NewsLetter

Cadastre-se no nosso grupo de contatos e receba por
e-mail os destaques da ek.