Conteudo
 

Os finalistas do Sinduscon Premium-RS 2014 serão conhecidos no próximo dia 30, e os vencedores em 14 de maio. A certificação, considerada a mais importante da indústria da construção civil no Estado, reconhece as organizações e profissionais que tenham contribuído para a modernização e aprimoramento do setor. No ano passado, o  Sindicato da Indústria da Construção Civil no Estado do Rio Grande do Sul instituiu o Sinduscon Premium - Etapa Litoral Norte. Os vencedores desta segunda edição já foram divulgados e a cerimônia de premiação ocorrerá no próximo dia 17,  na Sociedade dos Amigos do Balneário Atlântida (SABA), em Xangri-lá.  Quanto ao prêmio em nível estadual – o Sinduscon Premium RS prevê duas etapas. Todos os trabalhos inscritos até dia 11 de abril serão avaliados por uma comissão julgadora que selecionará três cases em cada categoria. Os finalistas apresentam o trabalho em uma audiência pública a outra banca de examinadores que apontará os vencedores.  A solenidade de entrega dos troféus ocorrerá em 1.º de junho. Conheça os vencedores da etapa Litoral Norte EMPREENDIMENTOS IMOBILIÁRIOS Região Capão da Canoa Mirador Aconcágua (Construtora Perini) Região Xangri-Lá Atlântida Green Square (JOAL TEITELBAUM Escritório de Engenharia) Região Torres Soul Flats (Montebello Incorporadora e Torres & Bello Arquitetos) Região Tramandaí/Imbé Lagune Living Resort (Báril Produtos Imobiliários) Região Osório Cais do Porto (Merlim Empreendimentos) Reconhecimento Sinduscon - Etapa Litoral Norte Pedro Carmindo Teixeira e Nereu Martinelli  - Os catarinenses foram precursores da construção civil no Litoral Norte. DESTAQUES PROFISSIONAIS Imobiliária Ferrari Imóveis Loja de materiais de construção Redemac Zona Nova Center Loja de móveis e decoração GranMóvel Indústria fornecedora de produtos para construção civil Selbach Esquadrias Escritório ou profissional de arquitetura FB Arquitetura Serviços de engenharia Serrano Engenharia Administração de condomínios Guarida Imóveis

Conteudo
 

“A conquista da 5.ª posição no Ranking Benchmarking Brasil 2014 é muito importante para a RGE, pois coloca o nome da organização em evidência quando se fala em ações sustentáveis.” A afirmação é do coordenador de Eficiência Energética da companhia subsidiária da CPFL Energia, Cristian Sippel. O case “Educação para Eficiência Energética na CPFL Energia: as experiências no estado de São Paulo e Rio Grande do Sul”, desenvolvido pela ek Marketing, apresentou os programas CPFL nas Escolas, interior de São Paulo, e Caravana RGE – Educando para a eficiência, no Rio Grande do Sul. Para Sippel, ações visando à sustentabilidade fazem parte das diretrizes da RGE. São uma obrigação. Portanto, a busca pela certificação foi uma forma de obter uma avaliação criteriosa de um instituto reconhecido e certificar-se de que a organização está no caminho correto. O Caravana RGE trabalha a base dos consumidores, que são crianças em idade escolar. O programa tem como proposta conscientizar os estudantes para o consumo responsável da energia elétrica, que além de se  tornarem consumidores conscientes são multiplicadores do conhecimento na família e comunidade. Para participar desse seleto grupo de empresas com boas práticas socioambientais, as inscrições para o Ranking Benchmarking Brasil 2015 podem ser feitas até o próximo dia 17. A ek Marketing, com expetise em gestão de reconhecimento, tem ajudado organizações a conquistarem o selo. Em 2011, comemorou com o Grupo Baram a terceira colocação no Ranking e em 2010, com o Cabanellos Schuh Advogados Associados,  o sexto lugar. Saiba mais: Últimos dias para se inscrever no Ranking Benchmarking Brasil 2015 Nomes consagrados da sustentabilidade reunidos no Benchmarking Brasil 2015 Ranking Benchmarking Brasil tem metodologia reconhecida pela ABNT CPFL Energia e RGE conquistam o 5-º lugar no Benchmarking Brasil 2014 Grupo Baram - Programa Benchmarking Ambiental Brasileiro 2011 Cabanellos Schuh Advogados Associados - Programa Benchmarking Ambiental Brasileiro 2010

Conteudo
 

Empresas interessadas em fazer parte da galeria dos legítimos da sustentabilidade têm até o próximo dia 17 para se inscrever no Ranking Benchmarking Brasil 2015. A certificação concedida pelo Instituto Mais, que está em sua 13.ª edição, é um programa que prioriza o aprendizado e a gestão do conhecimento em relação às boas práticas socioambientais. O aval da Comissão Técnica, formada por especialistas de renome nacional e internacional, indica à sociedade que a organização privilegia as questões pertinentes a um mundo sustentável no seu dia a dia, agregando valor à marca. Para a coordenadora do Programa de Mestrado Profissional em Administração – Gestão Ambiental e Sustentabilidade da UNINOVE e integrante da comissão técnica 2015, Claudia Terezinha Knies, “o Programa Benchmarking Brasil representa uma importante contribuição na disseminação de inovações no campo da sustentabilidade”.  A ideia é compartilhar os cases de sucesso que estão disponíveis no banco digital, considerado o maior com livre acesso do país. Já são 311 práticas Benchmarking catalogadas em dez temáticas gerenciais: Resíduos; Energia, Emissões; Recursos Hídricos e Efluentes; Educação, Informação e Comunicação Socioambiental; Ferramentas e Políticas de Gestão; Manejo e Reflorestamento; Pesquisas Científicas e Desenvolvimento de Novos Produtos; Proteção e Conservação; e Arranjos Produtivos. Essa galeria reúne nomes como CPFL Energia e RGE (5.º lugar no Ranking 2014), Grupo Baram (3.º lugar, em 2011) e Cabanellos Schuh Advogados Associados (6.º lugar, em 2010). Os cases foram elaborados pela ek Marketing. A empresa com expertise em gestão de reconhecimento responde pela organização do conteúdo de forma a transmitir à comissão julgadora a importância da prática adotada quando se fala em sustentabilidade. Os cases entre os dez primeiros colocados no ranking mostra o excelente aproveitamento da ek Marketing nas premiações. A empresa orienta as organizações desde a inscrição, identificando potenciais cases de sucesso e planejando a melhor forma de relatar a experiência. Sobre o Benchmarking Brasil 2015 Inscrições: até 17 de abril Dia Benchmarking, Compartilhar para Crescer”: 2 de julho Cerimônia Benchmarking: 2 de julho Categorias gerenciais: Resíduos; Energia, Emissões; Recursos Hídricos e Efluentes; Educação, Informação e Comunicação Socioambiental; Ferramentas e Políticas de Gestão; Manejo e Reflorestamento; Pesquisas Científicas e Desenvolvimento de Novos Produtos; Proteção e Conservação; e Arranjos Produtivos. Leia também: Prorrogadas inscrições para o Ranking Benchmarking Brasil 2015 Nomes consagrados da sustentabilidade reunidos no Benchmarking Brasil 2015 Ranking Benchmarking Brasil 2015 tem metodologia reconhecida pela ABNT CPFL Energia e RGE conquistam o 5-º lugar no Benchmarking Brasil 2014 Grupo Baram - Programa Benchmarking Ambiental Brasileiro 2011 Cabanellos Schuh Advogados Associados - Programa Benchmarking Ambiental Brasileiro 2010

Conteudo
 

O sucesso da estratégia da Midea Carrier para se tornar uma das três empresas líderes em eletrodomésticos no mercado brasileiro até 2020 está registrado no book Midea Liva, desenvolvido pela ek Marketing. O case vencedor no Top de Marketing ADVBRS 2014, na categoria Inovação de Produto (segmento de mercado), também Top de Marketing e Vendas ADVBSC 2014, destaca o empenho da organização para colocar no mercado um forno micro-ondas que atendesse as expectativas do público-alvo. Diante de um projeto consistente iniciado em 2012, coube à ek Marketing buscar os elementos que traduzissem, para a Comissão Julgadora, o cuidado da campanha que resultou no lançamento da linha Midea Liva. Um trabalho que mobilizou, além do marketing, as equipes de engenharia/P&D, manufatura, qualidade, logística, TI e áreas de apoio, como finanças, jurídica e recursos humanos. Para isso, a ek Marketing, a partir da identidade visual da marca, uniu textos e imagens contando a história da Midea Liva, identificando seus resultados e projetos futuros. Estratégia vencedora nos dois prêmios (Rio Grande do Sul e Santa Catarina) e que fica registrada em book, guardado dentro de uma luva, seguindo a proposta de design da marca. A expertise da ek Marketing compreende o planejamento da gestão de reconhecimento, com cases vencedores nos prêmios nacionais e regionais. O trabalho da empresa consiste na identificação de cases com potencial para serem vencedores, produzir o conteúdo, orientando a organização desde a inscrição. Leia também: Midea Carrier é Top de Marketing ADVBRS 2014 em Inovação de Produto Sobre a ek Marketing  

Conteudo
 

O prazo dado pela ONU para os países declararem seu compromisso de redução voluntária de CO2 a partir de 2020, que será apresentado na Conferência do Clima de Paris, em dezembro, encerrou-se nessa terça-feira. Mas o Brasil não se manifestou. O silêncio de Brasília mostra, no mínimo, que o governo não está dispensando a atenção necessária a um dos temas mais importantes quando se fala em sustentabilidade. Relatórios desenvolvidos de acordo com a metodologia da Global Reporting Initiative (GRI) mostram a preocupação das empresas que relatam suas práticas socioambientais com a emissão do dióxido de carbono, que em níveis altíssimo provoca o efeito estufa. A Natura, já no relatório GRI de 2012, desenvolvido pela Report Sustentabilidade, parceira da ek Marketing, comunicou sua preocupação com a redução da emissão de CO2 ao adotar o Programa Frota Sustentável Ecofrotas e o Crédito Carbono. Projetos que deram visibilidade à marca em eventos mundiais como a Rio+20 e COP. Em 2014, a meta de diminuição de emissões de CO2 na atmosfera foi superada. A Conferência do Clima de Paris é considerada a última chance de um acordo global para evitar o caos climático. União Europeia, Suíça e México, primeiro pais emergente a se manifestar, não esperaram a data limite para assumir seus compromissos voluntários. Os Estados Unidos anunciou ontem a intenção de reduzir, até 2025, gases de efeito estufa (GEE) entre 26% e 28%, em relação aos níveis de 2005. O compromisso ocorreu durante a Convenção Quadro da ONU sobre as Alterações Climáticas (UNFCCC, sigla em inglês). O representante do governo norte-americano para mudanças climáticas, Brian Desse, pediu que os demais países assumam “compromissos mais ambiciosos” para chegar a um consenso global sobre alterações climáticas durante a Conferência. Ainda ontem, a Rússia também encaminhou seu compromisso de reduzir as emissões do gás de efeito estufa. Leia também: A GRI, o modelo de negócio e a geração de valor Parceria ek Marketing e Report Sustentabilidade

Conteudo
 

Com a proposta de valorizar a força empreendora e a competência para enfrentar os desafios propostos pelo agribusiness, a Federasul instituiu o Prêmio Vencedores do Agronegócio. A distinção dá visibilidade a práticas inovadoras e criativas, desenvolvidas por empresas e pessoas físicas que tenham contribuído para o fortalecimento do setor no Rio Grande do Sul. As inscrições para a edição 2015 estão abertas até 11 de setembro. O Troféu Três Porteiras, que está na sua terceira edição, já foi entregue a  Associação dos Produtores Rurais dos Campos de Cima da Serra, Relat – Laticínios Renner, Associação dos Arrozeiros de Alegrete, Associação do Comércio, da Indústria e de Serviços de Rolante, Associação de Apicultores Papa Mel, Cooperativa Languiru Ltda, Terminal Marítimo Luiz Fogliatto S.A - Rio Grande, Ibravin - Instituto Brasileiro do Vinho - Bento Gonçalves, entre outros. Para fazer parte dessa galeria que se tornou referência quando se fala em impulsionar o agronegócio no Estado, o case precisa obedecer a critérios de criatividade e inovação, estratégia de negócio, ferramenta de marketing e resultados obtidos. A inscrição pode ser feita em três categorias: Antes, Dentro e Depois da Porteira. Para traduzir o trabalho realizado pela organização, a ek marketing (www.ek2.com.br) possui expertise em gestão de reconhecimento. A empresa tem obtido excelente aproveitamento, tendo ajudado seus clientes a conquistarem prêmios no âmbito regional e nacional. Dúvidas pelo e-mail: digital@ek2.com.br. FIQUE ATENTO Período de Inscrição: até 11 de setembro Cerimônia de premiação: outubro/2015 (data a ser definida) Quem pode participar por categorias: Antes da Porteira Categoria 1 - Indústria de Insumos: Sementes, Calcário, Fertilizantes, Inseminação Artificial, Ração, Defensivos, Fármacos Veterinários, Combustíveis e outros. Categoria 2 - Indústria de Máquinas e Equipamentos: Tratores, Colheitadeiras, Equipamentos em Geral, Máquinas, Motores, Ordenha Mecânica, Equipamento de Refrigeração e outro. Dentro da Porteira Categoria 3 - Produção Agropecuária: Produção Animal, Produção Leiteira, Lavouras Permanentes, Lavouras Temporárias, Horticultura, Fruticultura, Sivicultura, Extração Vegetal e outros. Categoria 4 - Agroindústria (Processamento): Indústria Alimentar, Indústria de Bebidas, Couro e Calçados, Têxtil e Confecções, Papel Celulose, Madeira e Móveis, Álcool Carburante, Borracha Natural, Óleos Essenciais e outros. Depois da Porteira Categoria 5 - Distribuição: Comércio Atacadista, Comércio Varejista, Refeições Industriais, Fast-Food, Lojas de Conveniência, Restaurante, Super/Hipermercados, Mercearia, Bares, Padarias, Açougues, Feiras, Exportação, Traders, Shopping Centers, Centros Comerciais, Feiras de Negócios, Conglomerados comerciais e outros. Categoria 6 - Serviços de Apoio ao Agronegócio: Associações, Entidades de Pesquisa, Ciência e Tecnologia, Engenheiros Agrônomos, Médicos Veterinários, Instituições Financeiras, Marketing, Vendas, Transporte, Armazenagem, Portos, Assistência Técnica Rural, Bolsas de Mercadoria, Seguros Agrícolas, Comunicação Digital, Mídia Eletrônica, Mídia Impressa, E-commerce, Educação, Telecomunicações, Turismo Rural e outros. Categoria 7 - Sustentabilidade Social, Econômica e Ambiental: Empresas que trabalham os eixos da sustentabilidade.

NewsLetter

Cadastre-se no nosso grupo de contatos e receba por
e-mail os destaques da ek.